Wednesday, October 22, 2008

Eu gosto e nem conheço muito

Tem um jogo que eu gosto a lot. Nem cheguei a jogar ele inteiro, mas foi mei que amor à primeira vista. O nome é No More Heroes, tem um protagonista muy estiloso e litros de substancia vermelha jorrando. Coisa fina. Coisa apaixonante. Mover o Wiimote e fazer peripécias nos inimigos não tem palavras tem que jogar. Todo o jogo é permeado de uma atmosfera galhofa apesar de se tratar de se tornar o maior assassino de Santa Destroy (a cidade do jogo), moe, anime, guarda roupa, piadas de gaveta, piadas geniais, piadas visuais e estilo. Issaê, o jogo é estiloso.

Tenho estilo, me olha, me olha de novo


E agora foi confirmado a seqüência (com trema, por favor!), "betamente" chamada Desperate Struggle. Não vai interessar aos meus leitores regulares (oi?) mas eu vou colar aqui a notícia que escrevi para postar no portal LostBrasil.



 

NMH: Desperate Struggle

A Marvelous Entertainment, publisher de No More Heroes no Japão, disse que revelaria na Tokyo Game Show deste ano um jogo de um conhecido e carismatico criador. A TGS chegou e foi revelado que o tal criador era Suda 51 e que o jogo era a seqüência de No More Heroes, batizada provisoriamente de Desperate Struggle.

A história do jogo se passará três anos após os eventos de
NMH, será mais sombrio, as lutas estarão num contexto mais sério com Travis em uma missão para vingar a morte de seu melhor amigo. Desperate Struggle trará gráficos e a engine melhorados, além de uma Santa Destroy mais viva do que simplesmente um meio de conectar o ponto A ao ponto B, reclamação constante sobre o jogo anterior.

Sobre o sangue das versões européia/japonesa vs. americana, durante a TGS, Suda disse que a diferenciação continuará, mas no mercado europeu haverá tanto uma versão hardcore como uma versão mais “light”. “Nós não poderemos fazer o mesmo jogo para todos os territórios; para a Europa, nós vamos lançar duas versões. Uma versão extrema, e outra com menos violência.” Complementou ainda dizendo que desde a concepção de No More Heroes havia pensado nisso: “Tinha tanto a versão sangrenta quanto a moderada em minha cabeça. Quando trabalhei no jogo americano não foi um problema, mas fazendo a versão japonesa tive que repensar um pouco”

Com lançamento previsto para 2010 (fevereiro ou março para a Europa e janeiro para os EUA), planos para a continução foram revelada depois do lançamento do primeiro jogo, em entrevista falou-se no interesse de se fazer um novo NMH, visto que o título havia alcançado vendas expressivas.

Fonte: texto meu =D

 


Mas os meu cabelos...





*eu quero uma camiseta com a bandeira de Santa Destroy!! fikdik de Natal

----------------
Now playing: Beam Katana Chronicles - Masafumi Takada

2 comments:

Anonymous said...

"litros de substancia vermelha jorrando" *.*

Cla said...

hehe... vc gosta eh de FULL THROTLLE q vc pediu pramim esses dias :p